Objetos imprescindíveis

Foto: Rosane Serro
Não saia de casa sem eles - Foto: Rosane Serro

Aposto que todas vocês se prometem (e asseguram a todos os santos) que serão econômicas na hora de listar o que levar na mala. Que farão uma bagagem leve. Que não se renderão àquelas várias possibilidades de roupa para cada ocasião que surgir na viagem.

A melhor maneira de cumprir a promessa é viajando, lógico. Pois, à medida que os dias passam, vão se darão conta de como é ruim carregar excesso de peso. Ou como faz falta terem deixado os óculos em cima da mesa na correria da saída. Por isso, além das listas básicas de roupas, objetos de toilette, sapatos e lingerie, resolvemos montar uma lista dos objetos que não podem faltar nas suas bagagens porque realmente facilitam a vida na estrada.

Separadores

Em inglês, eles são chamados de eBags Packing Cubes. Tratam-se de bolsas horizontal de nylon mole, de tamanhos variados, fechadas com zíper e alça que deixa suas roupas organizadas tanto na mala quanto na mochila. Uma para as peças maiores, outra para blusas e um terceiro para lingerie e meias já resolve. Parece luxo, mas a verdadeira vantagem dos separadores, além da organização, é a economia de tempo. Nunca mais perder as chaves do cadeado dentro da mala no meio da roupa revirada vai  fazer de você uma mulher mais leve e alegre. Juro.

Bolsa porta tudo

Serve para todos os acessórios dos eletrônicos: lentes para o celular, baterias, pilhas, carregadores, fios, adaptadores, cartões de memória.

Uma sacola de nylon

Peça coringa. Pode ser utilizada para carregar bagagem extra, colocar excedente de roupa suja, jornais e revistas. O que quiser, dentro ou fora da mala.

 Câmera + mini câmera + celular com câmera

Esse item terá peso diferente para os diferentes tipos de viajantes. Se você é uma fotógrafa profissional, suas prioridades serão diferentes das outras mortais, especialmente porque o equipamento fotográfico tem um peso que deve ser compensado e espalhado pelo restante da bagagem. Mas no caso das fotógrafas amadoras, a fórmula pode funcionar. A câmera não será grande e pesada como a profissional, vai servir para as fotos mais detalhadas e filmes. As minicâmeras do tipo GoPro são úteis para filmagens em grande angular, profundidade e ângulos inusitados, além de serem extremamente discretas. Já o celular é a ferramenta mais prática para captar imagens hoje. Mas não esqueça de fazer o compartilhamento nas redes sociais apenas em áreas de wifi, para não arcar com os custos do roaming.

 Ganchos

Muito úteis para amarrações extra mala. Quando se adquire um carrinho para carregar volumes maiores, eles são fundamentais.

 Luvas

Fundamentais ou dispensáveis, dependendo da estação do ano e dos lugares de destino.

Cinto

Só damos conta da necessidade quando esquecemos.

Ferro de passar bivolt (110-220) para viagem

A melhor maneira de dispensar este peso é levar apenas jeans, roupas de malha (ou seda), que alisam com o vapor. Neste caso, temos que lançar mão do velho truque de transformar o banheiro em sauna.

Óculos de grau

Nem pensem em esquecer. Em qualquer lugar, outros óculos só podem ser feitos com receita, o que compreende a ida a um oftalmologista. Ou seja, perda preciosa de tempo e recursos (caso não tenham contratado um seguro viagem). Mais ainda nos Estados Unidos: se algumas de vocês forem alto míopes e usarem óculos com lentes bem finas, como as da Zeiss, desistam de fazer novos óculos por lá. As óticas simplesmente não aceitam este tipo de encomenda porque consideram que as lentes finas são perigosas, podem quebrar e ferir o usuário que – ato contínuo – processará a ótica que o forneceu. Portanto, o melhor é: guardem os óculos junto com a passagem e/ou o passaporte.

Multi adaptador/Benjamin

Já falamos de sua existência fundamental para o bom funcionamento do universo na matéria “O seu amigo Benjamin

Bússola

Uma bússola é igual à canja de galinha, não faz mal a ninguém. Tudo pode dar errado, mas existe a bússola no seu bolso E, claro, vocês sabem para que lado fica o hotel, sabem ler o mapa. É só olhar os pontos cardeais.

Celular genérico + carregador

É sempre seguro adquirir o chip de uma operadora local para chamadas rápidas, de emergência e ter uma conexão extra com a família. Nem sempre o wifi está disponível ou o hotel tem uma rede confiável. A outra maneira de fugir do alto custo do roaming internacional é comprar cartões telefônicos. Faça as contas em relação ao custo dos cartões e do chip local x os dias que passarão viajando e decidam.

Balança

Ahá! Não é luxo. É um eliminador automático de estresse. Quando puder, adquiram o modelo da foto. Quanto mais viajamos de companhias aéreas low cost, mais precisamos ficar atentas ao peso da bagagem: 20 Kg inegociáveis. E sabem por que isso acontece? Porque o valor da passagem dessas empresas é baixo, mas o do excesso de bagagem quintuplica os seus gastos. Logo, ao manter uma balança, vocês economizam dinheiro e adrenalina: garantem o custo reduzido do ticket e ainda eliminam a possibilidade de deixar os pertences pelo caminho.

Cadeados de vários tipos

Para a mala, para a mochila, para a pasta do computador, em caso de perder o da mala, se esquecer a chave daquele na mochila…

Lanterna portátil

Utilíssima em voos longos e quartos de hotel com lâmpadas fluorescentes. Um modelo leve e que não ocupa espaço é o da Moleskine, analisado no artigo “Fiat lux, a reinvenção da lâmpada

Óculos de sol

Pode parecer futilidade, mas é economia. Sabe aquele dia em que todas as roupas foram para a lavanderia e sobrou a pior blusa dentro da mala? Ou a roupa errada que não era para levar, mas é o que resta? Coloquem os óculos escuros e ninguém vai reparar no resto.

Saco de roupa suja

Indispensável.

Doleira

Realmente necessária, especialmente nesses tempos em que é melhor levar dinheiro do que usar cartão de débito ou crédito. Mas o uso na cintura fica prejudicado quando usamos vestidos. Neste caso, apelamos para…

Doleira de pendurar para documentos

Ótima invenção e resolve o problema acima. Bem mais prática.

Talheres

Os da foto são um jogo de titânio, pequeno e prático, comprado em um aeroporto da vida. Nunca mais quentinhas que chegam sem talheres de plástico. Nunca mais talheres de plástico. Talheres na bagagem são garantia de felicidade. E dão um tom de viajante do século XIX, não é? 😉

Máscara para dormir

Vocês sabiam que nosso bom humor depende de neurotransmissores como a dopamina, a noradrenalina e a serotonina? E que a serotonina só é produzida quando dormimos? Vamos além: vocês sabiam que outro neurotransmissor fundamental para as nossas funções vitais é a melatonina, que só é produzida quando dormimos…no escuro? Pois é! Sendo assim, a máscara para dormir numa viagem se torna um gênero de primeira necessidade tanto quanto a balança e os óculos de grau. Compre uma. Recentemente, descobri uma de neoprene, ultra confortável e de largura regulável, que veda 98% da luz (marca Nap). Comprei no Aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro.

Guarda chuva

Não riam. Imaginem vocês chegando numa cidade desconhecida com um temporal lá fora, que perdura há dias? E sem nenhum camelô à vista vendendo um por cinco, dois por 10, ainda por cima. Capisce?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *